Quatro Parasitas na Vida Cristã

Pregada pelo pastor:Osmar Rodrigues Costa = 24.9.00 de manhã.

Salmo 1º-

1º-Lagarta- comeu o fruto

2º-Gafanhoto- comeu as folhas

3º-Locusta- comeu a casca( cobertura ) a verdadeira religião.

4º-Pulgão- sugou a vida da arvore. (A Restauração da arvore noiva 245)

A lagarta trabalha para destruir os frutos do espírito (Gal.5:22)

Davi perdeu o gozo da salvação, (Salmos 51:12)

Quando a lagarta trabalha no casamento, ela tira o amor, o gozo etc. e a indiferença começa a reinar naquele lar e um não sente mais amor e prazer com o outro.

O gafanhoto vem na próxima etapa e come as folhas- o companheirismo.e isso se aplica no lar,na igreja, entre irmãos, perdem as folhas que dão frescor, e aquela pessoa não é a mesma mais.o prazer dela é formar companheirismo com outras pessoas que não são da mesma fé.

A locusta é responsável por comer a doutrina=

Ela come o batismo a unicidade...isto é; ela tira a doutrina verdadeira e dá a doutrina dela.(A Restauração da árvore noiva 245,253)

Veja quando a serpente enganou a Eva. Eva cobriu com folhas, não era a cobertura de deus, mas Eva foi enganada por uma nova doutrina, a da locusta.

Também Caim, não tendo a verdadeira religião, trouxe vida botânica para o sacrifício e Deus o rejeitou.não permita a locusta te enganar dando-te uma nova doutrina.(A Restauração da arvore noiva 239)

A locusta come a casca( religião) e não sofre a sã doutrina.(II Timóteo 4:1-5).

O pulgão suga a vida.

O pulgão foi chamado pelo profeta de "denominação"um suga vida.

Suga a vida da igreja, do crente,se ele vinha pouco nas reuniões,o pulgão luta para sugar aquele restinho de vida e logo aquele irmão não vem mais, morre espiritualmente.( A Restauração da arvore noiva 295) II Timóteo 3:1-9.

Mensagem" A Restauração da arvore noiva"por William Marrion Branham